Notícias do Sindimoc

Imagem

Taxa de negociação será única e cobrada apenas em novembro

Curitiba, 05 de junho de 2019 | 18h07

Imprimir   Enviar por e-mail

A cobrança será de 3% sobre o salário base do mês de novembro

O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc) presta esclarecimentos sobre a taxa de negociação que foi aprovada em Assembleia com os trabalhadores da categoria. A taxa de negociação será de 3% sobre o salário base do mês de novembro, sendo cobrada uma única vez, apenas no mês de novembro.

Essa taxa de negociação que o sindicato incluiu, nunca antes cobrada, foi em razão da perda de outras contribuições, como o Fundo Assistencial e a Contribuição Sindical. É uma taxa para que o Sindimoc tenha condições de negociar com o patrão, com a prefeitura e com a URBS. Essa negociação tem um custo elevado muitas vezes, já que são necessárias assembleias e reuniões para chegar em um acordo, com ações de comunicação e mobilização. 

“É importante porque o sindicato tem que ter força na hora da negociação para representar bem a categoria e isso tem um custo, a negociação sindical tem que estar preparada para esses momentos. É importante que o trabalhador mantenha o sindicato para que tenha ele à sua disposição, para que o Sindimoc tenha forças para lutar por ele”, explica o presidente do Sindimoc, Anderson Teixeira.

Compartilhe esta notícia
   
 

Comente esta notícia

Nome

E-mail

Empresa

Digite o código ao lado

código captcha

Comentário (máximo 600 caracteres) | Restam: